CRE sabatina 11 embaixadores

A Comissão de Relações Exteriores e Defesa Nacional (CRE) vai sabatinar, na quinta-feira (7), 11 diplomatas indicados pelo presidente da República, Jair Bolsonaro, para chefiar embaixadas brasileiras. A presidente da CRE é a senadora Kátia Abreu (PP-TO). A reunião começa às 9h e deve se estender até o período da tarde.

 

O diplomata Bernard Klingl, por exemplo, foi indicado para a embaixada em Minsk, capital de Belarus (também chamado de Bielorrússia), país atualmente envolvido na guerra da Rússia na Ucrânia. Já o diplomata André Luiz dos Santos foi indicado para a embaixada na Síria, país que tem um governo ditatorial e passou por recente guerra.

 

A diplomata Claudia Maciel foi indicada para a embaixada na Guiné-Bissau. Para a embaixada em Cameroun (antigamente chamado de Camarões), foi indicada a diplomata Patrícia Lima.

 

Também há indicados para Bangladesh – Paulo Fernando Dias Feres; Albânia – João Tabajara de Oliveira Júnior; Japão – Octávio Henrique Dias Garcia Côrtes; Bolívia – Luís Henrique Sobreira Lopes; Armênia – Fábio Vaz Pitaluga; Panamá – Carlos Henrique Moojen de Abreu e Silva, e Arábia Saudita – Sérgio Eugênio de Risios Bath.

 

A reunião será na sala 7 da Ala Alexandre Costa. Depois de passarem pela CRE, as indicações ainda terão de ser votadas no Plenário do Senado. Confira abaixo o menu com resumos sobre os onze que serão sabatinados e suas respectivas embaixadas.

 

Guiné-Bissau  GUINÉ-BISSAU 

Camarões  CAMARÕES 

Síria  SÍRIA 

Armênia  ARMÊNIA 

Panamá  PANAMÁ 

Bolívia  BOLÍVIA 

Japão  JAPÃO 

Arábia Saudita  ARÁBIA SAUDITA 

Belarus  BELARUS 

Bangladesh  BANGLADESH 

Albânia  ALBÂNIA 

Fonte: Agência Senado